01 fevereiro 2010

Apego - A Solução


O único apego saudável é aquele cujo alvo é o próprio ser que se apega!
O que a princípio pode parecer excesso de egoísmo, é uma questão de ordem que possibilitará um apego benéfico.

A condição para amarmos alguém, é que amemos a nós próprios de forma explicita e consciente, pois somente assim poderemos direcionar tudo que temos de bom para a outra pessoa sem os medos comuns às relações, como o medo de perder, ser enganado, etc.

O apego às pessoas da família e de nossas relações amorosas e de amizade, não pode interferir na responsabilidade que essa pessoa tem com sua eternidade. Até por respeito à trajetória desse ser na complexa e misteriosa relação com seus compromissos divinos, que são infinitamente maiores do que sua efêmera passagem por esse planeta.

É claro que devemos esse comportamento apegado, à cultura da maioria da sociedade humana, que sempre viu na morte um fim, embora se ressalte a linha de pensamento oriental, que encara de uma forma mais amena essa questão.

Não muito diferente é o comportamento de apego das pessoas pelos bens materiais. E essa talvez seja a mais comezinha e mesquinha forma de apego. Novamente aqui entra a questão do controle. Não é muito inteligente se apegar à coisas que estão fora de seu controle. Os bens, objetos, valores, perdem a função, o significado, desaparecem, são tragados pela força da natureza, enfim, estão sujeitos a saírem de nossas vidas, assim como chegaram.

Mas nossa vida continua. Somos agora, depois de perdermos entes queridos, ou o cônjuge, ou os bens materiais, o mesmo que éramos antes. Seres infinitamente inteligentes, poderosos, criadores e postados aqui, agora, para cumprirmos nossa meta estabelecida antes de emergirmos no corpo físico atual. Ou seja: sermos livres, evoluídos e felizes.

O desapego, ou o apego saudável é a coragem de saber que terá o que quiser, se dispensar todas as coisas.

Apegar-se a si próprio, reconhecendo a Presença Eu Sou dentro de nós é a forma divina de se preparar para dar muito amor, ajudar as pessoas, angariar riqueza, conforto, um excelente relacionamento amoroso e tudo o mais que o ser humano vive a buscar, com uma diferença: essas conquistas tendem a permanecer conosco.

TaVar

7 comentários:

Maria disse...

Oi marujo,
Obrigada pela visita.
Também passei por aqui e voltarei sempre que puder.Amei esse espaço.
Lindo, verdadeiro e consciente teu texto mas, às vezes, tão difícil de praticar.
Hás de me conhecer melhor ao passear pelos meus escritos.
Escrevo o sou e o que vivo- feliz ou infelizmente.
Beijos no coração

Taddeu Vargas disse...

Olá Maria, é um prazer recebê-la aqui no meu blog. O que você disse é uma realidade. Tendemos a focar mais nosso lado material, que é mais visível, mais à disposição. O lado oculto do nosso ser, pela própria dificuldade de acesso, está a nos dizer que deve ser maravilhoso. Não é mesmo? Beijo grande e Volte sempre!

valvesta disse...

Caro amigo,lindo tudo que escreve ,parabéns.
Eu darei meu pensar: existe o amor doar-se, aquele que nada espera e tudo dá,(amor de mãe,de Deus,e outros); existe o amor compartilhado,(casais,filhos,amigos,sacerdotes,etc); e tb esse que se diz amor mais que ñ o é,seria como se o compresse,tipo eu te amo,que tens a oferecer?(......,;;;;;;;;,.....)

amor de verdade está em 1 corintios 13.... biblia,amor em todas as suas definições e expressões.

boa semana querido amigo,abarço de paz no coração.

Taddeu Vargas disse...

Olá Valquiria (Valvesta), muito obrigado pela visita. O amor tem sua expressão primeira na criação e desse modo ele age incondicionalmente. Já as relações humanas são movidas por uma mescla de sentimentos que vão do MEDO ao AMOR. Quanto mais próximo do segundo, maior a possibilidade do encontro com a liberdade, a evolução e a felicidade.
Beijo grande amiga, volte sempre!

Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Rosângela K... Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

Parabéns...Estavas atento ao sinal que Deus lhe enviavas...É assim que muitas vezes Deus age em nossas vidas,muitos não se dão conta disso,mas é tão gratificante para nós mesmos que sentimos estes sinais,é tão emocionante...
Acredite,sei muito bem o que é isto,sentir na própria pele o desejo e o caminho a seguir,sugerido por Deus,de maneira tão simples,tão doce,que as pedras acabão se tornando flores,e a bagagem muito mais leve!
Obrigada
Um forte abraço...
Rosângela

Taddeu Vargas disse...

Olá Rosângela, muito obrigado pela visita e pelas palavras gentis. É esse mesmo o caminho amiga. O Universo está sempre nos orientando para a estação onde moram nossas escolhas primeiras. Aquelas que fizemos antes de emergirmos nesse corpo físico, e que nos levará à felicidade. Temos que estar atentos, não é verdade? Beijo imenso. Volte sempre.

Neiva disse...

Olá! "Quando se acolhe a impermanência, tudo fica mais leve". Tenho repetido isso inúmeras vezes!!! Bjo