13 dezembro 2009

Esmiuçando a Meditação

Meditar, além de ser uma coisa fácil de fazer, pode trazer inúmeros benefícios ao praticante e, também, pode afastar companhias desagradáveis como a insônia, o estresse e a hipertensão.
Como diria o citadíssimo Jack, vamos por partes...
É fácil meditar? sim, é muito fácil! Basta você dispor de 20 minutos diariamente (leia neste blog os textos Conversando com o Ser Interior e outros textos que falam do assunto). Depois, você pode aumentar esse tempo e a incidência diária.
Quais são os benefícios da meditação?
A meditação faz seu corpo descansar de duas a três vezes mais que o sono; traz equilíbrio e paz (serenidade interior); a aparência emocional (como as pessoas sentem você) passa a ser de despreocupação, segurança e tranqüilidade; proporciona maior retenção dos sonhos na memória e, além de outros muitos benefícios não citados aqui, nos apresenta a indescritível e maravilhosa possibilidade de conversar com nosso Ser Interior.
Bem, mas posso acabar com a insônia e até com o estresse?
Sim, a meditação praticada com assiduidade derrota a insônia e o estresse, e vai muito além, contribuindo mais que os medicamentos usuais no tratamento de doenças graves.
Comparada com os efeitos produzidos apenas por medicamentos, conforme um estudo publicado no prestigiadíssimo periódico American Journal of Cardiology, a meditação diminuiu em 49% as mortes por câncer, em 30% as decorrentes de problemas cardiovasculares e em 23% as provocadas por doenças em geral. O estudo durou nada menos do que 18 anos e foi feito com 202 homens e mulheres idosos e hipertensos que se dedicaram a essa prática sistematicamente. Duas vezes todo santo dia, durante 20 minutos, nada além disso.
A insônia, caracterizada pela  dificuldade em iniciar ou manter o sono, é substituída por um sono tranqüilo, que sucede alguns minutos de relaxamento e concentração, antes de adormecer, quando você se habitua à prática da meditação.
Na raiz de grande parte das doenças estaria o estresse, que, como se sabe, dá maus frutos. "Ele aumenta o desequilíbrio de hormônios, como o cortisol, que inflama as artérias. Isso causa hipertensão e pode resultar em derrames e ataques cardíacos", resume Robert Schneider, diretor do Centro de Prevenção e Medicina Natural da Universidade Maharishi, em Iowa, nos Estados Unidos. A meditação confirmou algo que os cientistas já suspeitavam: ela contribui até para evitar o acúmulo de placas gordurosas nas artérias do coração, a temida arteriosclerose.
O estresse, no dizer dos especialistas, é uma reação, uma resposta do organismo frente a um perigo, caracterizado pelos estressores (dores, mágoa, desprezo amoroso, luz forte, níveis altos de som, mortes, nascimentos, casamentos, doenças crônicas, idade, calor, dívidas, conflitos, decepções, comidas não saudáveis, fumo, álcool, insônia, etc...).
Quando você medita, essas companhias desagradáveis perdem o parceiro, ou seja, você vai habitar um local onde elas não têm acesso. No dizer do Dr. Nilo de Almeida, bioquímico, PHD em Metafísica, Filosofia e Física Quântica, "através da pratica da meditação desenvolve-se um estado de repouso também chamado de relaxamento alerta. Você se liga nas coisas que são realmente importantes para você. Eu diria que a meditação te faz esquecer de tudo aquilo que você se lembra, para te lembrar de tudo aquilo que você esqueceu."
Quando você retorna do estado meditativo, traz consigo aqueles benefícios relatados lá em cima, fazendo você ver as questões da sua vida (estressores) de uma forma muito mais positiva.
Falaremos, na seqüência, dos benefícios ocultos da meditação, como o desencadeamento de um processo amoroso, que resulta em compaixão e tolerância que provoca um ciclo virtuoso: amor -> compaixão -> tolerância -> consentimento -> acolhimento -> aprovação.

TaVar
taddeu vargas

9 comentários:

Conexões de Luz disse...

Oi Tadeu,
sou Claudia do blog Conexões de Luz e vim agradecer por sua companhia por lá e estou encantada com o teu blog! Parabéns! Fico tb feliz por poder acompanhá-lo! Um abraço, Claudia

Tainã Steinmetz disse...

Olá... obrigada pela visita no meu blog ^^

Eu não tenho paciência para meditar =/

Beijos

Leila Silveira disse...

a frase mais interessante do ano:

"um marujo perdendo o medo do mar"

dentro dela milhões de vidas ,tantos caminhos
muitas possibilidades
nenhuma conclusão,
quiça...reconhecimento.

cristal de uma mulher disse...

Mais que maravilha eu li aqui ! Olha querido obrigada por visitares meu canto e tambem quero agradecer por um texto tão importante. Voltarei aqui para ler mais e saber como posso obter mais conhecimento,porque tenho uma vida muito atribulada COM A VIDA.
Bom vou te enviar meu msn quem sabe podemos falar mais sobre meditação para que eu viva com ela cada dia...rachelomena@hotmail.com
beijo de luz

Taddeu Vargas disse...

Olá Cláudia, muito obrigado pela visita...nos acompanharemos. Abração!

Taddeu Vargas disse...

Olá Tainã, muito obrigado pela visita. Uma vez ouvi de um Mestre: - o prêmio à paciência...é a paciência!
Um abração! seu blog é muito lindo e estarei por lá sempre.

Taddeu Vargas disse...

Olá Raquel, muito obrigado por palavras tão generosas. Será muito bem-vinda sempre. Parabéns pelo seu blog. É maravilhoso! Abração.

Laísa Boaventura disse...

Oi Marujo,
E por falar em blogs interessanes hein?!
Parabéns e sorria, você está sendo seguido!!!

Namastê

Taddeu Vargas disse...

Seja muito bem-vinda Laísa. Muito obrigado!
Namastê