07 dezembro 2009

Conversando com o Ser Interior IV

A sensação de leveza, de certa dormência no corpo; de confusão sobre a posição exata dos membros de seu corpo físico, indicam que o ser humano em você está sendo desativado, pelo menos na medida necessária para permitir que o Ser Interior possa começar a agir.

Os exercícios de relaxamento do corpo, simultâneo a uma respiração rítmica e o aquietamento da mente, viabilizam a efetiva participação do seu Ser Interior no processo, que por sua vez, comandará o alinhamento das energias físicas e não-físicas.

Mais do que nunca é hora de ficar quieto, relaxado, mente limpa, sentindo a sutileza desta energia que começa a tomar conta de todo o seu ser.

Quando você não conseguir, com clareza, determinar exatamente o local onde estão seus braços, suas mãos (isto é bom, é como deve ser), você está pronto para fazer a primeira pergunta para seu Ser Interior.
Nas primeiras vezes desta atividade, procure formular perguntas que possibilitem respostas curtas, do tipo sim ou não, até que esteja mais ambientado com o processo.

Portanto, defina com antecedência a pergunta, ou perguntas que você vai fazer. Assim que fizer a pergunta, fique atento! Não ansioso! Mantenha-se relaxado, tranqüilo, sem interferir nos acontecimentos, preservando o estado meditativo.

A resposta, certamente, não será percebida por seus ouvidos. Pode vir como uma lembrança repentina de um fato, como uma imagem mental, ou mesmo como um sussurro vindo de dentro de você. Lembre-se que você está iniciando um processo novo, de tentativa de comunicação com alguém com quem você nunca viu ou interagiu, pelo menos conscientemente.

Os exemplos de uma criança no seu aprendizado na articulação das palavras, bem como as primeiras aulas da escola de idiomas, onde você começa a aprender a falar uma nova língua, dão uma noção do quanto terá que ter paciência no início desta atividade.

Taddeu Vargas

9 comentários:

Helly disse...

Super bem esclarecido, Taddeu.
Mas quando realmente saberei que é Meu EU Interior falando ou minha mente interferindo???
Pode acontecer isso tb??
Estou adorando as aulas.
Gratidão imensa,
GOD BYE!

Sheila disse...

Taddeu, a nossa chamada "voz interior" nada mais é que o nosso "Eu interior"..certo? Por vezes ele também quer se comunicar conosco, orientar-nos em alguma situação..e aí temos as intuições, as "boas ideias"...isso mesmo???

Taddeu Vargas disse...

Olá Sheila,
é um prazer imenso poder responder suas questões.
É exatamente isso que você disse. A voz interior é uma tentativa de comunicação de nosso Ser Interior, com o objetivo de nos passar informações que Ele entende sejam importantes para a nossa evolução.
Nosso Ser Interior sabe, exatamente, o que viemos buscar aqui nesta experiência terrena, e dispõe das informações necessárias que precisamos para alcançá-lo.
As intuições e as boas idéias se dão, justamente, quando nos tornamos mais receptivos. Nestas oportunidades, nossa energia física se encontra em pouco mais alinhada com a energia não-física, de nossa metade espiritual, proporcionando um canal de comunicação.
Esse é o objetivo dos nossos textos: ajudar a abrir esse canal de comunicação com o Ser Interior.
Abraço forte.

Taddeu Vargas disse...

Olá Helly querida, é sempre um prazer responder seus comentários.
Olha só! Existem algumas maneiras de verificar de onde vem a comunicação, vejamos algumas:
Primeiro: Se você estiver muitíssimo concentrada, completamente relaxada e com aqueles sintomas físicos de dormência, etc., é porque controlou suficientemente seu consciente, para não emitir pensamentos;
Segundo: Mesmo assim, é possível a comunicação não estar vindo de seu Ser Interior. Neste caso, observe que tipo de informação veio, ou seja, avalie a resposta e veja se ela tem a ver com seus medos; observe se é uma resposta que não lhe surpreende; que, de certa forma, você já conhecia.
Normalmente, as respostas vindas de nosso Ser Interior contêm uma mensagem desconhecida de nosso consciente; via de regra elas nos surpreendem; a informação faz sentido e não tínhamos visto o assunto sob esse ângulo (o ângulo colocado pela informação);
Terceiro: As respostas do nosso Ser Interior vão sempre na direção de nosso querer maior, daquelas escolhas que fizemos antes de vir para esse plano. Inconscientemente, SEMPRE nos sentimos bem quando escolhemos o que realmente queremos, mesmo sem saber.
Assim, ao ouvir uma resposta, avalie se se sente bem com ela. Caso contrário, é provável que tenha vindo do seu ser externo (consciente).
Esse assunto não esgota aqui, colocaremos mais dicas para identificar a comunicação que vem direta de nosso Ser Interior.
Abraço forte.

Lenita Nabais disse...

Taddeu, estou a adorar o seu blog e sigo os textos e reenvio para várias pessoas, que estão tb a adorar!Obrigada pelo encontro com o meu ser interior! Estou desejosa que fale da criança interior!
Abraço de LUZ

Sheila disse...

Agradeço, Taddeu....abraços..

Celso disse...

Olá Taddeu, tenho muito sono e entrando em relaxamento, acabo sempre dormindo. Como posso controlar esse sono, como tb, o cansaço do dia a dia ???
Grato

Taddeu Vargas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Taddeu Vargas disse...

Olá Celso, é um prazer receber seu comentário e poder interagir com você.
Se você dormir não é ruim, mas se conseguir se manter desperto será muito melhor. A atividade relaxante, de quietude mental proporcionará um sono tranqüilo e uma paz de espírito que ajudará muito nesse período de repouso, tanto para o ser físico, quanto para o não-físico.
Entretanto, se conseguir se manter consciente durante a atividade, desfrutará de momentos gratificantes, onde se verá não mais como um ser humano, mas como um poderoso ser iluminado, despido das limitações que a carne impõe, se comunicando com os mistérios do Universo, ou seja: livre, evoluindo...e feliz!
No texto Conversando com o Ser Interior III, eu relato como faço para ter uma meditação tranqüila e sem sono, mas vão aí algumas dicas para se manter acordado:
1. Não se alimente antes de meditar, apenas café preto ou água:
2. Lave o rosto com água fria, várias vezes;
3. Procure meditar sentado, com a coluna ereta, descansando os braços sobre as coxas;
4. Quando começar a sentir uma certa tontura; uma dormência em alguns membros do corpo, comece a focar a primeira pergunta que vai formular, assim sua atenção no aguardo da resposta o manterá desperto.
5. Tente desta forma, se não conseguir mande e-mail para tavar47@hotmail.com relatando...que faremos uma experiência acompanhada (on line).
Com relação ao cansaço, é mais fácil. Ao deitar-se, peça uma noite de sono reparador, que recomponha inteiramente suas energias e ao dormir visualize-se acordando sorrindo, feliz, motivado e totalmente preparado para um gratificante dia de trabalho. Se fizer isso por três dias seguidos, acreditando no resultado, não mais sentirá cansaço durante o dia.