12 maio 2010

Minha Paixão

taddeu vargas
Paixão feminina, linda, nem loira, nem morena, cheia de opinião, bem informada, bem vestida! Daquelas que quando vai pra rua tem até torcida. Mas é recatada e por pouca gente, de perto, já foi vista, aliás, revista!

Foram quatro meses de trabalho para construir a primeira paixão desumana das que já me envolvi. Mas nem por isso é menos intensa ou fácil de lidar. O certo é que não é paixão vermelha, mas de uma surpresa de cor que faz o sorriso brilhar!

Nesse tempo de criação e construção desta paixão larguei tudo, família, amigos, outros trabalhos, deixei todos de lado, só não abandonei o teclado! Sem ele não sou, sem ele não vivo e apenas com ele sobrevivo!

E se a mencionada paixão inusitada vingar? Por ela vou me apaixonar, e colocá-la no meu altar? Ou será apenas mais uma das minhas tantas ilusões, que seguem seus caminhos livres dos meus pensamentos e das minhas prisões?

TaVar
taddeu vargas

11 comentários:

Angel disse...

No amor e na guerra é preciso sorte.

Boa sorte ai!

Abraço.

Sônia Silvino disse...

Paixão é tudo de bom: reanima o nosso coração. Curta-a, amigo querido!
Bjkas, muitas!

Zane BZZ disse...

"O mais belo estado da vida é a dependência livre e voluntária: e como seria ela possível sem amor?"
(Johann Goethe)
É...pois é...!!!
Bjs!

Nathalya Carvalho disse...

Oi meu querido! Estou de volta ao mundo das palavras, das emoções denunciadas! Adorei sua "denúncia"! Estar apaixonado é conhecer os dois mundos com livre passagem em poucos segundos!

Parabéns!

Beijos, com carinho

TAIZA RENATA disse...

Bom dia!!!
Amei esse texto. Quanta sensibilidade!
É tanto sentimento, tanta delicadeza que quase é possível vê-la, senti-la.
Ilusão ou não, só por ser motivo para uma paixão, já vale a pena.
Beijos...

Helly disse...

Tudo que nossa alma vibra com o amor intenso se chama PAIXÃO.
Seu trabalho atual é sua paixão.
E tudo que se realiza com esse propósito gera algo, SUCESSO.
Paz profunda,
Helly

Michelle Crístal disse...

Seu texto é instigante, emocionande e formidável, estou sentindo falta de você na minha página,seu rosto já não vejo!
O que será que aconteceu?

David disse...

"Navegar é preciso...
Viver não é preciso..."

O marujo não deve se amarrar ao mastro do navio.....
Mas entregar-se ao canto da sereia...
E com ela ser....
Abraços,

Sônia Silvino disse...

Olá!
Vim lhe fazer uma visitinha. E desejar um ótimo final de semana.
Bjkas, muuuuuitas!

Sil disse...

Querido Marujo:
Lindo texto "Foco no Invisível." Parabéns!
"MInha Paixão" está delicado ao mesmo tempo ousado e, na minha leitura também perigoso, envolve sentimentos que afetam vários universos onde um dos lados é machucado... Mas lá atrás ele já dizia para um Marujo:
"Paixão é uma infinidade de ilusões que serve de analgésico para a alma. As paixões são como ventanias que enfurnam as velas dos navios, fazendo-os navegar; outras vezes podem fazê-los naufragar, mas se não fossem elas, não haveriam viagens nem aventuras nem novas descobertas." (Voltaire)
Com amor e carinho,
Sílvia
PS.:Já sou sua seguidora!

Maria Emilia Xavier disse...

Paixão, seja por que ou por quem, deve ser vivida totalmente. Se depois virar ilusão, saudade ou dívida...Aí se vê o que se faz.