10 agosto 2010

Exemplo de dirigente


Recentemente, o futebol brasileiro, através de um de seus protagonistas, deu um exemplo de retidão, profissionalismo e dignidade. O episódio da tentativa de contratação do Sr. Muricy Ramalho, pela CBF, para comandar a seleção brasileira de futebol e a recusa do técnico, em função do acordo apalavrado com o Fluminense, é como um domingo de céu azul e de sol quentinho, no meio do inverno frio e úmido que normalmente caracteriza o futebol brasileiro (...e a nossa Porto Alegre).

No domingo, após a partida entre Grêmio e Fluminense, válida pelo campeonato brasileiro, em Porto Alegre, o futebol seguia a sua rotina, com a iminência da demissão do técnico, cuja cabeça era pedida pela torcida e que, certamente, não resistiria no cargo após mais uma derrota, desta vez em casa.

A surpresa veio na forma da demissão. Na coletiva de imprensa, ao contrário dos dias de vitória, quem sentou no centro da mesa, tendo um batalhão de repórteres à frente foi o Presidente do clube, tal qual o comandante da nau em perigo no mar adverso, de pé, na proa, olhando no olho da tempestade.

Mais que uma prova de coragem e dignidade, o Sr. Duda Kroeff (foto) dá um exemplo e inaugura um novo formato de retorno ao torcedor do clube, marcado pelo respeito e pela transparência no trato dos interesses da agremiação, ao demitir os responsáveis pelo futebol na frente da imprensa, com humildade, profunda consideração aos profissionais, mas com a autoridade dos puros.

O dirigente, embora contestado por parte da torcida tricolor, em função de escolhas pessoais e decisões que desagradaram a alguns, quase sempre emitiu suas opiniões sobre o futebol e o clube de maneira clara, às vezes causando surpresa pelo discurso franco sobre questões polêmicas e míticas.

O futebol brasileiro necessita com urgência de posturas desse tipo. Assim como a vitória, o futebol tem que mirar a verdade, alicerce das virtudes demonstradas pelo dirigente no episódio da demissão.

TaVar

8 comentários:

TAIZA RENATA disse...

Que bom! Você vive!!
Pôxa! Até que enfim! Tanto tempo sem blogar... eu já estava até preocupada.
Bom retorno!
Beijos...

anita sereno disse...

se bem vindo querido amigo
bom fim de semana beijos na alma espero que estejas bem xau

Raa º disse...

Ofereço-te o meu selo oficial (: *

Márcia Vilarinho disse...

Passei para lhe trazer um abraço.

Ale Danyluk disse...

Precisamos de bons exemplos sempre...Quem sabe assim a moda pega, afinal gentileza gera gentileza e quem sabe o mesmo aconteça em outras áreas também.
Beijão.
Muito bom o desabafo e opinião.
Ale

Pensador disse...

Lo más bello de esta vida es utilizar el mayor don que nos ha sido concebido a los seres humanos: la razón.
http://www.laciudaddelsaber.com/

Malu disse...

"Mas virá o dia em que os blogs serão mentais, ou sentimentais, ao invés de virtuais. Nesse dia cada um saberá quais os textos que lhes cabem."

Que lindo isso !

Te Sigo ...
Bjo e Parabéns !

Angélica Lins disse...

Estive por aqui e gostei muito do que vi.

=)

Abraço!