09 fevereiro 2008

Saudade

Nunca escrevi sobre ela, como se nunca tivesse sofrido desse bem...

Ter saudade de alguém é sentir a sua ausência tão presente, que quase devolve o amor da gente. É a garantia de que se ama. É um sentimento de presença de amor, e não de falta dele. Quanto mais amor, maior a sensação da proximidade do ente amado, de modo que o estar junto é constante, independente da posição dos corpos físicos, porquanto os corpos emocionais não se separam jamais.

Talvez, por isso, meu amor, sinto você tão perto. Tão junto de mim que quase lhe vejo. Sinto o aroma do teu corpo doce, que enche tanto o ar de sua presença, que quase lhe toco. Penso mesmo que estás aqui, embora digam que não. Por certo os mesmos que falam de saudade de seus amores distantes, ou será os que vêem em cada canto...uma ausência?

TaVar


Um comentário:

♥ Denise Araujo ♥ disse...

Lindo, meu amor!
Você falou com suavidade de um sentimento que só nossa língua conhece...e traduziu com precisão o "sentir" a saudade...a mesma que me invade e enche de ternura.
Acho que me sente bem próxima porque estou sempre a te rondar...em cada canto nosso, me fazendo presente!...rs

Saudade de tu...beijo GRANDE!